Números, fatos e curiosidades da rodada europeia #1

A partir dessa semana, o DPF lança, a cada terça-feira, um resumo dos números mais importantes do final de semana em cada uma das cinco principais ligas europeias (eventualmente das outras também).

Neste primeiro resumão, destaque para o PSG e seu título antecipado, os pênaltis perdidos pelo Barcelona e o primeiro gol de Gâmbia na Premier League.

Inglaterra

FA Cup: Arsenal 1×2 Watford e Everton 2×0 Chelsea

– O Arsenal perdeu 3 partidas consecutivas em casa pela primeira vez desde 2002. Coincidentemente, por três competições diferentes: 1×2 contra o Watford (FA Cup), 1×2 contra o Swansea (Premier League) e 0x2 contra o Barcelona (Liga dos Campeões).

– Contra o Everton, Guus Hiddink perdeu sua primeira partida na FA Cup. Antes, eram 6 vitórias em 6 partidas, todas pelo Chelsea, incluindo a participação que culminou no título da edição 2009 da competição.

– O Arsenal passou o primeiro tempo todo sem chutar no alvo, pela quinta vez na temporada. Já o Chelsea só acertou uma bola no gol do Everton em todo o jogo.

– Diego Costa foi expulso pela primeira vez, em 74 partidas pelo Chelsea.

Premier League: Norwich 0 x 0 Manchester City

– Russell Martin é agora o jogador que mais atuou pelo Norwich na Premier League: 120 partidas. A equipe não vence há 10 jogos (2 E e 8 D).

– O total de pontos do City é o pior a esta altura do campeonato (51 pontos em 29 partidas) desde a temporada 2008/09.

– O City não chutou nenhuma bola no alvo no segundo tempo, enquanto seus adversários não acertaram durante todo o jogo.

Premier League: Leicester 1 x 0 Newcastle

– Rafa Benitez, novo técnico do Newcastle, treinará duas diferentes equipes (a outra foi o Real Madrid) em uma mesma temporada pela primeira vez na carreira.

– Contra o Newcastle, o Leicester deu apenas um chute na direção do gol, exatamente a bicicleta de Okazaki.

Premier League: Aston Villa 0 x 2 Tottenham

– Harry Kane empatou com Jamie Vardy na artilharia da Premier League: 19 gols. Ele é o inglês com mais gols na temporada em todas as competições, dentre os que atuam na PL: 21.

Premier League: Bournemouth 3 x 2 Swansea

– O gol de Modou Barrow, do Swansea, na derrota de 3×2 para o Bornemouth foi o primeiro de um gambiano na Premier League. Agora, atletas de 95 nacionalidades já marcaram na história da competição. Apenas 15 países, daqueles que já estiveram presentes na competição, não tiveram jogadores marcando gols: Albânia, Bolívia, Burkina Fasso, Cabo Verde, Chipre, Estônia, Ilhas Faroe, Guadalupe, Guiné-Bissau, Lituânia, Malta, Omã, Paquistão, Seychelles e Zâmbia.

– Curiosamente, Ruel Fox, de Montserrat, foi o primeiro não-inglês a marcar na competição, jogando pelo Norwich, em agosto de 1992. Isaías, do Coventry City, foi o primeiro brasileiro a marcar, em agosto de 1995 (32ª nação a conseguir tal feito).

– O Bournemouth alcançou duas vitórias consecutivas em casa pela primeira vez na na Premier League.

Espanha

Barcelona 6×0 Getafe

– Messi fez seu jogo 250 no Camp Nou (249 pelo Barcelona e um pela Argentina). O Getafe é exatamente a sua maior vítima no estádio: o artilheiro participou de 21 gols, sendo 11 marcados e 10 assistências. Bilbao, Valencia e Atlético de Madrid sofreram 18 gols em lances com sua participação no estádio.

– Messi chegou a 200 assistências em sua carreira. Foi a primeira vez que fez 3 assistências em uma partida que também marcou.

– Com os dois gols de Neymar, que chegou a 20 na temporada, pela segunda vez na história, três companheiros de time marcaram 20 ou mais gols em uma temporada de La Liga (Suarez marcou Suarez tem 26 e Messi 22). Na temporada 2011/12, Cristiano Ronaldo (46), Higuain (22) e Benzema (21) também ultrapassaram a marca, pelo Real Madrid.

– Com o pênalti perdido, Messi ultrapassou Eto’o e agora é o jogador do Barcelona que mais perdeu penais na Liga (8). Aliás, o Barcelona se tornou também a primeira equipe a perder 8 pênaltis em uma temporada.

Las Palmas 1×2 Real Madrid

– O Real Madrid venceu na Liga, sem gols de Cristiano Ronaldo, Bale ou Benzema, pela primeira vez desde abril de 2015.

– Sérgio Ramos chegou aos 44 gols na história da competição, sendo o terceiro defensor com o maior número de tentos marcados, atrás apenas de Fernando Hierro (105) e Koeman (67).

– Apenas John Terry marcou o mesmo número de gols de cabeça do espanhol, 27, dentre os jogadores (defensores) das cinco principais ligas.

– Os 28 toques na bola de Cristiano Ronaldo foram o menor número em sua história na Liga.

– Casemiro fez seu primeiro gol pelo Real, em sua partida 50.

– O Las Palmas perdeu a chance de igualar seu recorde de invencibilidade na Liga (ficou quatro partidas sem perder em 1969/70).

Atlético de Madrid 3×0 Deportivo La Coruna

– O Atlético de Madrid marcou 3 gols ou mais em três partidas consecutivas pela primeira vez desde 2012.

Sevilla 4×2 Villarreal

– O Villarreal sofreu 4 gols em uma partida de qualquer competição pela primeira vez na temporada.

– Com a vitória, o Sevilla amplia sua marca de vitórias consecutivas em casa na Liga: 13.

Granada 1×1 Espanyol

– O Granada não sabia o que era um empate na Liga desde novembro de 2015, quando empatou em 2×2 com o Málaga. Foram 15 jogos até a última segunda, com 5 vitórias e 10 derrotas.

França

Troyes 0x9 PSG

– O PSG se tornou a primeira equipe, nas cinco principais ligas europeias, a ser campeão com 8 rodadas de antecedência. O Bayern de Munique, em 2013/14, era o recordista (foi campeão com sete rodadas de antecedência, em 25 de março de 2014).

– A vitória foi a maior fora de casa nessas ligas, junto com a vitória do Duisburg sobre o Tasmânia, na liga da Alemanha Ocidental, em março de 1966.

– Os parisienses estabeleceram ainda o novo recorde de vitórias fora de casa em uma temporada: 13.

– Ibrahimovic fez 4 gols em um jogo pela quarta vez na carreira. A última tinha sido na Liga dos Campeões de 2013/14, contra o Anderlecht. Ele chegou a 102 gols com a camisa do PSG na Ligue 1, em apenas 110 partidas.

– Laurent Blanc se tornou o quarto treinador a ganhar a Ligue 1 em três temporadas seguintes, juntando-se a Albert Batteux (Saint-Ettiénne, 1968-1970), Robert Herbin (Saint-Ettiénne, 1974-1976) e Paul Le Guen (Lyon, 2003-2005).

– Thiago Silva acertou todos os 102 passes que tentou na partida, recorde dos últimos 10 anos.

– Christian tinha sido o último parisiense a marcar quatro vezes em um mesmo jogo da Ligue 1, em janeiro de 2000, contra o Estrasburgo.

Alemanha

Bayern 5×0 Werder Bremen

– Thiago marcou para o Bayern após 748 dias.

– Müller igualou sua maior marca de gols em uma temporada: 26 em partidas oficiais, assim como em 2013/14.

– A última vez que um jogador alcançou a marca de Lewandowski (24 gols após 26 partidas) foi Ailton, em 2003/04.

– Marco Reus é o jogador com mais gols marcados contra o Mainz: 10.

Hannover 0x2 Colônia

– O Hannover foi derrotado 11 vezes nas suas 13 primeiras partidas da temporada. É um recorde, ultrapassando o Tasmânia Berlin, de 1965/66. A equipe está há 411 minutos sem marcar em seus domínios, marca histórica negativa do clube.

Ingolstadt 3×3 Stuttgart

– O Stuttgart marcou mais pontos em 2016, em apenas oito partidas (16) que em todo o início da temporada, em 2015 (15 pontos em 17 partidas).

Itália

– Nenhum jogador foi expulso na rodada, pela primeira vez desde a 19ª rodada da temporada 2014/15.

Juventus 1×0 Sassuolo

– Após a vitória da Juventus sobre o Sassuolo (1×0), Gianluigi Buffon amplou para 926 minutos sua invencibilidade na meta da Velha Signora, ultrapassando Dino Zoff (que ficou 903 minutos sem sofrer gols na temporada 1972/73. Apenas Sebastiano Rossi (com 929 minutos na temporada 1993/94) tem uma invencibilidade maior na Série A.

– A Juve não leva gol há 10 partidas, um recorde na Série A.

Palermo 0x1 Napoli

– Com a vitória sobre o Palermo (1×0), o Napoli chegou a 64 pontos em 29 rodadas, um a mais que o total conseguido na temporada passada inteira.

– O gol marcado por Higuain foi seu 29º na temporada, em todas as competições, igualando sua melhor marca, da temporada 2009/10.

Inter 2×1 Bologna

– Pela primeira vez desde maio de 2012, a Inter venceu quatro partidas consecutivas em casa.

Empoli 1×1 Sampdoria

– O Empoli conseguiu marcar seu primeiro ponto em cinco partidas. Porém, a equipe não vence desde o dia 10 de janeiro, contra o Torino, acumulando 5 empates e 5 derrotas na competição.

 

 

Comentários

Sergio Rocha é torcedor do Madureira e sempre teve o sonho de escrever sobre esportes em geral, embora tenha optado pela carreira de engenheiro civil. No "currículo", cadernos recheados de resultados esportivos e agendas da década de 90, quando antes da internet acessava rádios de diversos locais do país buscando os resultados esportivos do Acre à Costa Rica. Além de fanático por futebol, é fanático por praticamente todos os esportes, e no tempo livre que sobra sempre busca os últimos resultados esportivos do PGA Tour ou dos futures da ATP. Além disso, coleciona quadrinhos da Disney e é louco por astronomia.