Zlatan Ibrahimovic é dispensado pelo Manchester United

A notícia saiu logo após o clube divulgar sua lista de jogadores que ficarão para a temporada 2017/2018. Infelizmente, a lenda sueca não se encontra mais entre eles. Ibra sofreu ruptura nos ligamentos cruzados do joelho direito, passou por cirurgia, e só deve voltar a jogar no início de 2018.

Informações dão conta de que o atacante seguirá treinando e fazendo tratamento nas dependências do United. O clube inglês tenta a todo custo fazer com que o término da relação profissional seja o mais amigável e suave possível, dada a importância e respeito que Ibra tem no vestiário.

Por que não continuar?

A gravidade da lesão – e seu longo período de recuperação – somada ao altíssimo salário recebido pelo jogador (cerca de R$ 6 milhões mensais) parece que ditaram a não extensão do vínculo de Ibra com o United. O sueco segue trabalhando diariamente em Carrington para se recuperar totalmente. E a ideia é que ele siga se recuperando no clube mesmo após o fim de seu vínculo profissional.


Leia mais: existe vida para Zlatan e para o United sem ele


Ibra sai de cabeça erguida

Questionamentos sobre a decisão do United à parte, não se pode culpabilizar o matador sueco de não ter cumprido sua parte. Ibrahimovic encerrou a temporada 2016/2017 com excelentes números: 38 participações diretas em gols (28 gols e 10 assistências), em 46 jogos disputados.

Destrinchando por competição, o saldo de Ibra é o seguinte:

  • Premier League: 17 gols e 05 assistências em 28 jogos (média de um gol a cada 143 minutos);
  • Europa League: 05 gols e 04 assistências em 11 jogos (média de um gol a cada 179 minutos);
  • EFL Cup: 04 gols e uma assistência em 05 jogos (média de um gol a cada 99 minutos);
  • Communitiy Shield: um gol e uma assistência em sua única participação;
  • FA Cup: um gol e uma assistência em seu único jogo disputado

A nós, Doentes por Futebol, resta é guardar com carinho a ótima passagem de Ibra pelo futebol inglês. Foram muitos gols, dribles e, como não seria diferente, muitas declarações de impacto feitas pelo autointitulado “Benjamin Button” do futebol.

Comentários

Diretor no DPF desde 2012 e criador da coluna "Olho Nele!".