A promessa Moise Kean

  • por Victor Gandra Quintas
  • 2 Anos atrás

Conheça Moise Kean, a promessa no ataque da Juventus

Que a Juventus é a maior potência italiana dos últimos anos, todo mundo sabe. Este status se dá principalmente pela qualidade de seus defensores titulares. Soma-se a isso os jovens valores da posição que já figuram no time principal. Mas o trabalho da base não se limita aos zagueiros, e Moise Kean é exemplo vivo dessa fase bianconera.

Marotta, diretor da Juventus, já disse que gostaria de ver jogadores da base sendo promovidos ao time principal, fazendo algo semelhante ao que o Barcelona tem feito já há vários anos. Por isso, promissores jogadores, como o próprio Kean, podem figurar mais vezes nas escalações do treinador Allegri.

Mas quem é Moise Kean?

O jovem nasceu em 28 de fevereiro de 2000, na cidade de Vercelli, na região de Turim. Filho do de marfinenses, começou precocemente no Asti, com apenas 7 anos. No mesmo ano, 2007, por indicação do olheiro Renato Biasi, ingressou na base do Torino, onde permaneceu por 3 anos.

Como os contratos dos jogadores com menos de 14 anos devem ser renovados anualmente, em 2010, Kean decidiu não permanecer no Toro, assinando, então, com a Juventus.

Carreira na base juventina e seleção

Moise Kean só estreou no Sub-17, primeio torneio importante da base, em 2014-15, com 14 anos. Já naquela temporada marcou 5 gols, estando em campo, entre titular e vindo do banco, 11 vezes. Na temporada seguinte, assumindo de vez a titularidade do sub-17, mesmo com 15 anos, marcou 19 vezes nas 21 partidas que se fez presente.

Nesta temporada o time sub-17 da Juventus, liderado por Kean, chegava aos playoffs da competição. Nas semifinais, os dois gols marcados pelo atacante não foram suficientes parta a classificação do time para a final, perdendo com um gol nos acréscimos para o time da Atalanta, que viria a ser campeã do torneio.

Apesar da derrota da equipe, Moise Kean brilhara, sagrando-se artilheiro da competição com 5 gols. Tal desempenho atraia a atenção do treinador Maximiliano Allegri, do time principal. Então, aos 16 anos, Kean era chamado ao time de cima, passando a ser opção do treinador nas competições oficiais.

Segundo Mino Raiola, empresário do jogador, Kean:

“É um atleta para ser visto em 2017, e será um grande jogador na Juventus”.

Estreia no profissional

Em sua curta carreira no time profissional da Juventus, Moise Kean tem 3 datas que irá relembrar por muito tempo.

A primeira é a data de 19 de novembro de 2016 ficaria marcada para sempre na história de Moise Kean. Foi neste dia, diante do Pescara, que o jovem atacante entrava em campo pela primeira vez no time profissional.

Substituindo Mandzukic, Kean não teve muito tempo para mostrar seu futebol, já que só participara dos minutos finais da partida, quando o time já vencia por 3×0. Esta data é especial não só pela sua estreia pessoal, mas marcava a história de toda a liga italiana. Moise Kean tornava-se o primeiro atleta nascido a partir do ano 2000 a jogar o campeonato italiano.

E, se isso ainda parece pouco, a segunda data, ainda neste final de temporada, reservava outra marca para o atacante. Em seu terceiro jogo entre os profissionais, em 27 de maio de 2017, depois de substituir Dybala aos 79 minutos, Kean marcava seu primeiro gol, já nos acréscimos, sendo o primeiro pós-2000 a fazer um gol na competição. Era o fim da temporada, marca registrada e título garantido.

A terceira e última data aconteceu também em 2016, em 22 de novembro, quando fez sua estreia pela Liga dos Campeões da Europa, diante da vitória Bianconeri frente ao Sevilla por 3×1. Entrando no lugar de Pjanic, a sua pouca idade lhe reservava seu terceiro recorde, ao ser o primeiro atleta nascido neste milênio a jogar a competição continental, registrado no site EUFA.com.

Ainda jovem e já recordista, Moise Kean já escrevia seu nome na história do futebol.

Estilo de jogo

Sua preferência de jogo é no centro de ataque, como referência, podendo tirar vantagem dos seus 1,83 metros. No entanto, como podemos ver nas partidas citadas antes, pode atuar em diferentes posições do ataque, sobretudo aberto pela esquerda.

Destro, Moise Kean é um atleta habilidoso, apesar da altura, e com boa capacidade de finalização. Sua capacidade física e estilo de jogo lhe permitem ter um bom controle de bola. Veremos, portanto, Kean atuando bastante nesta temporada.

O que esperar do jovem jogador

Agora com 17 anos, Mino Raiola sugeriu que o atleta possa ser emprestado a algum clube holandês para que continue sua evolução, mas é mais provável que o jogador faça parte do elenco de Allegri.

A pré-temporada tem mostrado isso, com Moise Kean entre os jogadores que viajaram aos Estados Unidos para a Champions Cup, inclusive entrando na partida diante do Paris Saint-Germain, quando deu a assistência para o primeiro gol de Marchisio na vitória por 3×2.

Este status no time principal parece mais plausível com o improvável acerto com Schick, como relata o site Record.pt , devido ao imbróglio com a Sampdória, é provável que Moise Kean receba mais oportunidades na equipe.

Polêmica

Apesar da carreira promissora e dos feitos já realizados, Moise Kean já está envolvido em polêmica com seu pai e empresário e sua renovação de contrato. Seu pai, o empresário marfinense Biorou Kean, diz que não há qualquer acerto de seu filho com Mino raiola, apesar do empresário garantir que a jovem estrela é um dos seus clientes.

Ainda segundo Biorou, a Juventus ofereceu um contratod e 700 mil euros anuais a Moise Kean, com uma clausula inusitada de compra de equipamentos agrícolas para que o mesmo possa trabalhar em terras que possui na Costa do Marfim. Tal acordo aconteceu quando Biorou negou a ida do filho para a Inglaterra, em um acordo que teria acontecido por Raiola. Segundo Biorou Kean, como relatou o site 90min:

“Na Costa do Marfim, eu possuo vários hectares de terra, que gostaria de começar a cultivar arroz e milho. Eu sou um agrônomo, trabalhei em arrozais e pedi equipamentos agrícolas.”

Ainda não se sabe o desfecho desta situação, mas é improvável que a Juventus entrará em polêmica e não garantirá a continuidade da provável estrela Moise Kean.

Comentários

Natural de Belo Horizonte. Torcedor do Cruzeiro e da Juventus. Um Doente por Futebol. Desde pequeno um apreciador do esporte mais popular do mundo, preferindo mais em acompanhar do que jogar (principalmente por não ter talento algum com a bola).