River Plate e Grêmio assumem favoritismo da Libertadores, mas Botafogo ganha moral

  • por Doentes por Futebol
  • 2 Anos atrás

Alvinegro derrubou cinco campeões na competição e tem mais um pela frente

A Copa da Libertadores só retorna em 13 de setembro, com os duelos pelas quartas de final, mas o momento para correr nas casas de apostas de futebol e fazer o investimento é agora. Isso porque cravar quem vai levar o título garante no mínimo R$ 3,75 em cada real.

River é o mais cotado

O alto investimento do River Plate, contratando Germán Lux, Javier Pinola, Enzo Pérez e Ignacio Scocco tem dado o resultado. Na Libertadores, os reforços fizeram a diferença e o clube bateu o Guarani sem dificuldade. Além disso, a equipe tem uma invencibilidade de sete jogos.

Diante deste cenário e com a eliminação do Palmeiras, os argentinos aparecem com grande favoritismo, dando R$ 3,75 para R$ 1,00, segundo dados do Oddsshark.com. Para melhorar, a vaga nas semifinais parece barbada, pois encara o Jorge Wilstermann agora e não deve ter dificuldade para passar.

Brasileiros são os principais concorrentes

Sempre que começa a Libertadores, os clubes brasileiros aparecem como os candidatos mais forte para a taça. As quedas de Flamengo, Palmeiras e Atlético-MG deram uma enfraquecida na lista do país, mas Grêmio e Santos ainda chegam com muita força.

Pelo futebol dentro de campo, o tricolor gaúcho é o que aparece na frente, principalmente por só ter sofrido três derrotas em 20 jogos. Além disso, o clube trata a competição com prioridade e mostrou isso nas oitavas de final, quando bateu o Godoy Cruz com duas vitórias. Somando a fase de grupos, foram seis triunfos, um empate e somente um revés. A grande dúvida é a situação de Luan, que tem até o final da semana para ser negociado ou não. Caso o jogador saia, o time perde um pouco de qualidade e terá mais dificuldade. Outro ponto complicado é que tem pela frente o Botafogo nesta fase e o adversário também tem feito boa campanha. Ainda assim, entre os brasileiros, vale investir no Grêmio, que rende R$ 5,00 para cada real.

Já o Santos também tem enorme qualidade e apresenta grande estabilidade com Levir Culpi no comando. O grande problema é o ataque, que vive sofrendo com a seca de gols. Prova disso é que dos últimos cinco jogos, o a alvinegro só balançou as redes duas vezes. Porém, se corrigir isso, pode sonhar com o título, que garante R$ 5,50.

O exterminador de campeões

O apelido caiu nas graças da torcida do Botafogo e de fato é algo que coloca o clube carioca na lista dos principais candidatos. A equipe eliminou antigos campeões, como Olímpia, Colo-Colo, Atlético Nacional, Estudiantes e Nacional até chegar nas quartas de final. Agora, tem pela frente outro vencedor do passado, o Grêmio, que é certamente o oponente mais complicado até aqui, se for considerar o futebol dentro de campo nesta temporada.

Desta forma, com o alvinegro recomendamos cautela, ao menos esperar até o final do primeiro jogo nas quartas, se caso queira investir no Botafogo. Isso porque apesar da campanha histórica, os cariocas ainda não enfrentaram um adversário em tão boa fase. Porém, vale dizer que se quiser faturar alto, o momento de apostar é agora, pagando excelentes R$ 10,00 para R$ 1,00.

Quinta força

Dos cinco times mais cotados, o único que ainda não demonstrou motivos de que pode ser o campeão é o San Lorenzo. O clube sofreu na fase de grupos e precisou dos pênaltis para despachar o modesto Emelec. Com isso, apesar de não serem consideradas zebras, os argentinos não são um bom investimento no momento, mesmo dando R$ 8,00 para R$ 1,00, de acordo com estatísticas do Oddsshark.com.

Demais times correm por fora

Mais três equipes seguem vivas na competição, porém não possuem grandes chances de levantar a taça. Dos quatro, o que pode chegar mais longe é o Lanus, pois encara um adversário do mesmo país, o San Lorenzo. No entanto, a semifinal deve ser o máximo que pode chegar, com isso, o retorno de R$ 10,00 para R$ 1,00 pelo título seria uma grande zebra.

Dando os mesmos R$ 10,00 aparece o Barcelona. O clube conseguiu façanhas impressionantes, como vencer o Botafogo, fora de casa, na fase de grupos, e eliminar o Palmeiras. No entanto, o time é frágil e não deve sobreviver ao Santos.

Já o grande azarão é o Jorge Wilstermann. O time bateu o Atlético-MG nas oitavas de final, no entanto, é extremamente limitado. O título é tão impossível que vale inacreditáveis R$ 17,00 em cada real, segundo números do Oddsshark.com.

 

 

Comentários