Chegou o momento das equipes da MLS desbancarem os mexicanos na Concacaf Champions?

  • por Doentes por Futebol
  • 2 Anos atrás

           Nesta semana acontecem os jogos de ida das quartas de final

O principal torneio das américas do Norte e Central, a Concacaf Champions League, vai chegando em seus momentos decisivos, nas quartas de final. Ele reúne jogos bem interessantes entre os clubes mexicanos, “donos” do torneio, e as franquias da Major League Soccer (MLS). A atual edição da competição é a 10ª, desde que o novo formato foi adotado. Na temporada passada, o título ficou nas mãos do Pachuca, do México.

América x Tauro

O clube de maior torcida no México, o América é dono de duas Concacaf Champions League e de cinco Taça dos Campeões da Concacaf. Na terça-feira, 6 de fevereiro, às 22h, horário de Brasília, no mítico Estádio Azteca, as Las Aguilas recebem o Tauro, do Panamá.

Os mexicanos empataram em 1 a 1 com o Chivas Guadalajara na Liga MX no fim de semana e se mantiveram na vice-liderança da competição. Pelo compromisso continental, o América eliminou o Saprissa, da Costa Rica, pelos placares de 5 a 1 e 1 a 1. O time amarelo tem tudo para avançar e garantir R$ 1,09 nas apostas de futebol do Oddsshark.com.

Os panamenhos, presas fáceis na minha opinião, já botaram os americanos do Dallas para fora, vencendo na ida, em casa, por 1 a 0, e perdendo na volta por 3 a 2. Pelo campeonato local, no sábado, o Tauro empatou com o Independiente por 3 a 3.

New York Red Bulls x Tijuana

O New York chega para este confronto sem ainda ter estreado na MLS. Até agora, o time da Big Apple só disputou partidas do torneio continental e amistosos. Nas oitavas de final da Concacaf Champions, contra o Olimpia, de Honduras, empate de 1 a 1 na ida, e vitória de 2 a 0 na volta. O jogo contra o Tijuana será à 0h, horário de Brasília, de quarta-feira, 7 de fevereiro, no Estádio Caliente, no México.

A formação norte-americana conta com o inglês Wright-Phillips, ex-Manchester City. Lembra dele? É a segunda vez em sua história que os Bulls, criados em 1995, disputam as quartas de final do torneio.

O Tijuana, que já participou da Taça Libertadores da América de 2013, vem de uma vitória sobre o Lobos BUAP por 3 a 1, em casa, no Campeonato Mexicano. Na competição nacional, os Xolos ocupam a sexta colocação da tabela. Os rubro-negros buscam a sua primeira taça internacional. Na fase anterior, eles passaram pelos hondurenhos do Montagua com os resultados de 1 a 0, a favor, e de 1 a 1.

De acordo com os números disponibilizados pelo Oddsshark.com para você dar os seus palpites, o favoritismo para o duelo inicial é do Tijuana, cotado em R$ 1,63, contra R$ 6,34 do New York Red Bulls.

Toronto x Tigres

Também na quarta-feira, só que às 22h, horário de Brasília, no BMO Stadium, os canadenses do Toronto, atuais campeões da Major League Soccer, fazem um belo jogo contra o Tigres, do México. A equipe do continente norte-americano conta com o meia italiano Giovinco, o atacante Altidore e o volante Bradley, ambos da terra do Tio Sam. Os Reds estrearam na MLS com uma derrota por 2 a 0, em casa, diante do Columbus Crew.

Na Concacaf, o Toronto jogou com o Colorado Rapids. Na partida de ida, vitória fora de casa, por 2 a 0, e empate sem gols em seguida. Encarar o Tigres pela frente é uma tarefa bem árdua, pois a formação mexicana tem em sua história uma conquista da Superliga Norte-Americana de 2009, contra o Chigaco Fire, dos EUA.

Quem está jogando nos Felinos atualmente é o volante Rafael Carioca, ex-Atlético Mineiro, e o zagueiro Juninho, ex-Botafogo e São Paulo. Outro nome que certamente você conhece é o do atacante francês André-Pierre Gignac, ex- Olympique de Marselha, do futebol francês, além do atacante Eduardo Vargas, que teve passagens pelo Grêmio. O Tigres é um dos principais clubes do México e tem um grande potencial financeiro. É só você ver os jogadores que ele contrata. Pela Liga MX, no quarto lugar da tabela, o Tigres derrotou o Veracruz, fora, 2 a 0.

O jogo de quarta é considerado parelho, tanto que o Tigres paga R$ 2,60 e o Toronto R$ 2,86. O valor do empate está estimado em R$ 3,38 cada real aplicado por você.

Seattle Sounders x Chivas Guadalajara

Já na quinta-feira, 8 de fevereiro, à 0h, no CenturyLink Field, Seattle e Chivas também prometem uma grande disputa, assim como a partida citada nos parágrafos acima. É mais um confronto entre equipes da MLS e do México. No domingo, nas competições caseiras, o Seattle encarou o novato Los Angeles FC, em casa, e perdeu por 1 a 0, enquanto que o Chivas empatou em 1 a 1 no clássico com o América, dentro de casa. Na liga caseira, o time da terra do Chaves é apenas o 16ª colocado.

Anteriormente, o Sounders, do meia uruguaio Lodeiro, ex-Botafogo e Corinthians, perdeu a primeira partida para o Santa Tecla, de El Salvador, por 2 a 1. Em casa, depois, a goleada de 4 a 0 permitiu que os americanos seguissem no torneio.

O Guadalajara, diferente de seu adversário, não encontrou nenhum dificuldade nas duas oportunidades em que encarou o Cibao, da Republicana Dominicana. Foram duas vitórias: 2 a 0 e 5 a 0. Os Rojibancos ficaram no primeiro lugar em um campeonato continental, em 1962, no título da Taça dos Campeões da Concacaf. Ainda conforme o Oddsshark.com, o Seattle Sounders rende R$ 2,75 contra R$ 2,76 do Chivas Guadalajara.

Confira os jogos das quartas de final da Concacaf Champions League:

Terça-feira (6 de março)

22h – América (R$ 1,09) x (R$ 28,66) Tauro. Empate: R$ 10,11

Quarta-feira (7 de março)

22h – Toronto (R$ 2,86) x (R$ 2,60) Tigres. Empate: R$ 3,38

0h – Tijuana (R$ 1,63) x (R$ 6,34) New York Red Bulls. Empate: R$ 3,45

Quinta-feira (8 de março)

0h – Seattle Sounders (R$ 2,75) x (R$ 2,76) Chivas Guadalajara. Empate: R$ 3,30

Comentários