Copa da Inglaterra é a chance de Chelsea e Manchester United salvarem a temporada

  • por Victor Gandra Quintas
  • 8 Dias atrás

Final do tradicional torneio acontece na tarde deste sábado

Um dos momentos mais esperados na terra da rainha em toda temporada de futebol é a decisão da tradicionalíssima Copa da Inglaterra. A final acontece neste sábado, 19 de maio, às 13h15, horário de Brasília, em Wembley, na cidade de Londres. Manchester United e Chelsea são os finalistas. O torneio teve o seu pontapé em novembro do ano passado, e reuniu mais de 700 clubes, tanto profissionais quanto amadores. Sem dúvida alguma é uma das competições mais democráticas do mundo.

Manchester United

Segundo maior vencedor da Copa, com 12 conquistas (1908/09, 1947/48, 1962/63, 1976/77, 1982/83, 1984/85, 1989/90, 1993/94, 1995/96, 1998/99, 2003/04 e 2015/16), os Red Devils podem igualar o número de títulos com o Arsenal, que possui apenas 1 a mais, e é o atual campeão. A temporada de José Mourinho e seus comandados foi boa, ficando no segundo lugar da Premier League, com 81 pontos. Se o rival Manchester City, que somou 100 pontos, não tivesse se distanciado tanto na tabela, a galera de Old Trafford poderia ter brigado de maneira mais efetiva pela liderança do Campeonato Inglês.

Na FA Cup, a caminhada começou na fase 32avos, em 5 de janeiro, no triunfo de 2 a 0 sobre o Derby County. Depois, goleada de 4 a 0 sobre o pequenino Yeovil Town, da quarta divisão. Nas oitavas de final, o adversário foi o Huddersfield: 2 a 0, marcador que se repetiu na fase seguinte contra o Brighton. O grande desafio na eliminatória foi diante do Tottenham. Em Wembley, o United começou o duelo perdendo, mas virou para 2 a 1.

Podemos dizer que o atual momento do Manchester é positivo, já que fechou a Premier League com uma vitória em casa por 1 a 0 sobre o Watford. Nos últimos 10 jogos, o retrospecto foi de 7 resultados positivos, 2 negativos e 1 empate. A notícia ruim é que o belga Romelu Lukaku, autor de 26 gols na temporada, está com uma lesão na coxa. Quem sabe o atacante não se recupera para estar em campo, não é? Quem também ocupa o departamento médico é o volante belga Marouane Fellaini. A missão de assumir a responsabilidade fica com o atacante Alexis Sánchez. Vindo do Arsenal em janeiro deste ano, o chileno tem apenas 3 gols marcados, no entanto possui potencial para decidir a partida.

De acordo com as cotas disponibilizadas pelo Oddsshark.com, o United é visto como pequeno favorito ao pagar R$ 2,55. Se a equipe vermelha terminar o primeiro tempo na frente do placar, o valor sobe para R$ 3,35 a cada real aplicado por você nas apostas de futebol.

Chelsea

Bem mais modesto em relação aos números de títulos da Copa da Inglaterra, o Chelsea tem apenas sete troféus (1969/70, 1996/97, 1999/00, 2006/07, 2008/09, 2009/10 e 2011/12) ao longo de sua história. Assim como os Red Devils, os Blues enxergam nesta competição a última chance de levantar um troféu na temporada 2017/18. No Inglês, a campanha foi um pouco decepcionante, pois eles ficaram no quinto lugar, com 70 pontos, conseguindo apenas uma vaga na Liga Europa.

O jogo deste fim de semana pode ser a despedida do técnico italiano Antonio Conte, que não é unanimidade no vestiário londrino. Já o atacante espanhol Alvaro Morata, ao que tudo indica, está acertando a volta para a Juventus, da Itália, enquanto que o meia Eden Hazard teria colocado condições para renovar o seu contrato. Ele quer que jogadores de qualidade sejam contratados.

Na estreia, na etapa 32avos, o Chelsea precisou do segundo jogo depois do empate sem gols para passar pelo Norwich: 2 a 0.  Contra Newcastle e Hull City, vitórias bem mais tranquilas por 3 a 0 e 4 a 0, respectivamente. Nas quartas de final, o nível de dificuldade deu uma aumentada. O rival foi o Leicester. Triunfo de 2 a 1. Para chegar à final foi preciso bater o Southampton, o que foi feito sem grandes problemas com um 2 a 0. A equipe do milionário russo Roman Abramovich vem de 1 derrota, 1 empate e 3 vitórias, tudo de forma consecutiva.

Novamente segundo o Oddsshark.com, o resultado positivo do Chelsea rende R$ 2,85 se vencer nos 90 minutos. Na etapa inicial, o triunfo está estimado em R$ 3,70.

Histórico de confrontos

Na temporada 2006/07, Manchester United e Chelsea disputaram a final da FA Cup, com os Blues faturando o título ao vencerem por 1 a 0 na prorrogação. O gol na ocasião foi anotado por Didier Drogba. No geral, foram registrados ao longo do tempo 179 compromissos, sendo a vantagem do United, dono de 74 resultados positivos, contra 52 dos Blues, além de 53 empates. As 5 partidas mais recentes mostram uma igualdade neste clássico. Foram 2 vitórias vermelhas e 3 azuis.

Mais palpites do Oddsshark

Como se trata de uma final entre dois dos principais times ingleses, não será nada de outro mundo o título não sair nos 90 minutos. Caso o campeão venha da prorrogação, a quantia é de R$ 6,00, e de R$ 5,50, para os pênaltis. O empate sem gols pode gerar para você R$ 7,00.

Confira as cotas da final da Copa da Inglaterra:

Sábado (19 de maio)

13h15 – Chelsea (R$ 2,85) x (R$ 2,55) Manchester United. Empate: R$ 3,20

Comentários

Natural de Belo Horizonte. Torcedor do Cruzeiro e da Juventus. Um Doente por Futebol. Desde pequeno um apreciador do esporte mais popular do mundo, preferindo mais em acompanhar do que jogar (principalmente por não ter talento algum com a bola).