Inspirada em 2014, Costa Rica precisa reencontrar bom futebol para bater a experiente Sérvia

  • por Victor Gandra Quintas
  • 11 Meses atrás

Time da Concacaf não fez uma boa preparação para disputar a Copa do Mundo da Rússia

No domingo, 17 de junho, mesmo dia que o Brasil estreia na Copa do Mundo diante da Suíça, a Costa Rica encara a Sérvia, às 9h, horário de Brasília, em Samara, pelo Grupo E. Ou seja, será dia de acordar cedo para acompanhar os nossos futuros rivais, hein! Nada de preguiça, afinal o maior evento esportivo do planeta só acontece a cada quatro anos.

Surpresa em 2014, aqui no Brasil, os costarriquenhos não dão muitos sinais de que vão repetir a boa campanha, não, quando disputaram as oitavas de final com a Holanda. O time da América Central vive um jejum de 2 partidas, sendo que nos 10 compromissos mais recentes foram 6 resultados positivos, apenas 2 positivos e 2 empates. A diferença para a edição passada é que jogadores como Bryan Ruiz e Joel Campbell, principais destaques dos Los Ticos, estão envelhecidos, e não são mais decisivos como antes. Vamos ver do que a Costa Rica é capaz agora.

O esquema 5-4-1, usado em terras tupiniquins, vai ser utilizado novamente em 2018. O primeiro objetivo é defender, depois é o de atacar. À princípio, a escalação será: Keylor Navas; Gamboa, Acosta, González, Duarte e Oviedo; Celso Borges, Tejeda, Ureña e Bryan Ruiz; Campbell.

Do outro lado, a Sérvia, que disputa a sua segunda Copa do Mundo como nação independente, conta com jogadores bem conhecidos dos fãs do futebol do Velho Continente. A principal atração atualmente é Savic, da Lazio, da Itália, que desperta o interesse de grandes equipes como Liverpool e Real Madrid. Os experientes Matic e Kolarov, ao lado de Ivanovic, vão saber controlar bem a ansiedade dos companheiros. O grande responsável pelos gols é o atacante Mitrovic. Nos dois amistosos de preparação, goleada de 5 a 1 para cima da Bolívia e derrota de 1 a 0 para o Chile.

Os sérvios gostam de jogar em cima dos erros rivais, reagindo com contra-ataques. A boa estatura dos atletas do Leste Europeu favorece muito o jogo aéreo, e é uma arma perigosa da equipe do técnico Mladen Krstajic, que geralmente opta pela formação 4-3-3. Os 11 jogadores escolhidos para a estreia devem ser: Stojkovic; Rukavina, Ivanovic, Tosic e Kolarov; Matic, Milivojevic e Ljajic; Tadic, Rostic e Mitrovic.

Palpites para lucrar com as apostas

Sérvios e costarriquenhos nunca ficaram cara a cada dentro das quatro linhas. Será o primeiro embate entre os dois países.  A menor cota – o que indica o favorito – é da Sérvia, que paga R$ 1,95 a cada real aplicado por você, enquanto que a Costa Rica tem R$ 2,80 a mais nas cotas disponíveis nas casas de apostas. Investir que as duas equipes vão fazer gols é sempre uma opção interessante. Jogos de Copa do Mundo geralmente são mais movimentados que os demais. Se as redes foram balançadas dos dois lados, o valor pago vai ser de R$ 2,10.

Outro jeito de lucrar mais com os europeus é eles vencendo o primeiro tempo e empatando o segundo. O que acha da ideia? Esta situação gera R$ 14,00 por 1.

Confira os jogos da 1ª rodada da Copa do Mundo:

Quinta-feira (14 de junho)

15h – Rússia (R$ 1,40) 5 x 0 (R$ 10,00) Arábia Saudita. Empate: R$ 4,40

Sexta-feira (15 de junho)

9h – Egito (R$ 7,50) x (R$ 1,60) Uruguai. Empate: R$ 3,75

12h – Marrocos (R$ 2,30) x (R$ 3,90) Irã. Empate: R$ 3,00

15h – Portugal (R$ 4,75) x (R$ 1,90) Espanha. Empate: R$ 3,40

Sábado (16 de Junho)

7h – França (R$ 1,25) x (R$ 13,00) Austrália. Empate: R$ 6,75

10h – Argentina (R$ 1,33) x (R$ 11,00) Islândia. Empate: R$ 4,50

13h – Peru (R$ 3,30) x (R$ 2,40) Dinamarca. Empate: R$ 3,25

16h – Croácia (R$ 1,72) x (R$ 5,75) Nigéria. Empate: R$ 3,70

Domingo (17 de junho)

9h – Costa Rica (R$ 4,75) x (R$ 1,95) Sérvia. Empate: R$ 3,30

12h – Alemanha (R$ 1,50) x (R$ 7,50) México. Empate: R$ 4,40

15h – Brasil (R$ 1,40) x (R$ 9,50) Suíça. Empate: R$ 4,80

Segunda-feira (18 de junho)

9h – Suécia (R$ 2,05) x (R$ 4,33) Coreia do Sul. Empate: R$ 3,25

12h – Bélgica (R$ 1,16) x (R$ 26,00) Panamá. Empate: R$ 7,50

15h –Tunísia (R$ 10,50) x (R$ 1,40) Inglaterra. Empate: R$ 4,60

Terça-feira (19 de junho)

9h – Colômbia (R$ 1,72) x (R$ 6,00) Japão. Empate: R$ 3,60

12h – Polônia (R$ 2,40) x (R$ 3,30) Senegal. Empate: R$ 3,25

 

Comentários

Natural de Belo Horizonte. Torcedor do Cruzeiro e da Juventus. Um Doente por Futebol. Desde pequeno um apreciador do esporte mais popular do mundo, preferindo mais em acompanhar do que jogar (principalmente por não ter talento algum com a bola).