Maurizio Sarri consegue repetir no Chelsea o mesmo sucesso que teve no Napoli?

  • por Victor Gandra Quintas
  • 9 Meses atrás

Treinador italiano chega ao time londrino cercado de muita expectativa positiva

Sai Antonio Conte, entra Maurizio Sarri, de 59 anos. Com esta troca no comando da comissão técnica do Chelsea, o italiano continua sendo a nacionalidade do treinador. Nos últimos anos, Sarri foi um dos profissionais que mais bem fizeram ao futebol. No Napoli, na terra da Bota, ele conseguiu ameaçar, de fato, a grande hegemonia da Juventus no cenário nacional. Há sete anos, a Velha Senhora conquista a Serie A de maneira seguida.

Na temporada 2017/2018, os napolitanos chegaram a ficar um bom tempo na liderança da tabela, porém não aguentaram manter o ritmo e nas rodadas finais viram os alvinegros ficarem com o primeiro lugar. Agora, o ex-bancário fumante tem o seu maior objetivo profissional pela frente.

Sarri chegou ao time do Sul da Itália em 2015, ficando até o meio de 2018. Neste período, foram feitos 148 jogos, com 98 resultados positivos, 25 negativos e 25 empates. Foram utilizados 35 jogadores. Na Azurra foram dois vice-campeonatos e uma terceira colocação na Serie A. Ele gosta de montar as suas equipes no esquema 4-3-3 ofensivo, com muita aproximação entre os atletas e trocas de passes. Vamos ver como ficam as cotas para você investir nas apostas com ajuda do Oddsshark.com.

Chegadas

Até o momento do fechamento deste texto, o Chelsea havia contratado um jogador, concidentemente também do Napoli. Trata-se do volante brasileiro naturalizado italiano Jorginho, de 26 anos. Em 39 duelo disputados na última temporada, ele fez quatro gols e deu quatro assistências para os companheiros. Fora o ítalo-brasileiro, quem está voltando para Stamford Bridge são jogadores que estavam emprestados. O mais conhecido deles é o atacante ponta de lança belga Michy Batshuayi, de 24 anos. Ele retorna do Borussia Dortmund, da Alemanha.

Baixas

Os meias Eden Hazard, de 27 anos, e Willian, de 29 anos, estão bem valorizados. O belga é cotado para ir para o Real Madrid, da Espanha, para ocupar o lugar deixado por Cristiano Ronaldo, que foi para a Juventus da Itália. Já o brasileiro é muito bem visto pelo técnico português José Mourinho, do Manchester United, também da Inglaterra. Até no Barcelona a dupla já foi especulada.

Na entrevista coletiva em sua apresentação, Sarri falou sobre estes dois jogadores citados no parágrafo acima. “Eden Hazard é um dos dois ou três melhores jogadores europeus e estou ansioso para trabalhar com ele nos treinos e nos jogos. Espero melhorá-lo, mesmo sendo difícil, considerando que ele já está em um nível tão alto. O Willian tem muita qualidade. Pode correr rápido, muito rápido, e farei uso desta característica aqui no clube. Ele será um dos irão buscar cigarros para mim no dia a dia”, disse.

Thibaut Courtois, de 26 anos, eleito o melhor goleiro do Mundial da Rússia, agora em 2018, também pode rumar para novos desafios. O Real Madrid é uma opção. Já o atacante italiano Morata pode ser envolvido em uma troca com o argentino Higuaín para retornar para a Velha Senhora. Com a camisa do Chelsea, Morata não teve o destaque que era esperado dele. Em 48 partidas foram 15 gols e 6 assistências.

Como foi o Chelsea na temporada passada?

O lado azul de Londres deixou a desejar na Premier League, não conseguindo defender o título de 2016/2017, e ficando apenas na quinta colocação da tabela com 70 pontos conquistados, sendo 21 vitórias, 7 empates e 10 derrotas. Gols foram 62 pró e 38 contra. Este desempenho gerou uma vaga na próxima Liga Europa. Mas o clube não passou em branco, não! Ele conquistou a tradicionalíssima FA Cup – a Copa da Inglaterra – ao vencer o rival Manchester United em Wembley pelo placar de 1 a 0. Na decisão, o gol foi marcado por Hazard.

Uma coisa que não foi muito bom no Chelsea foi o vestiário. Era muito comum encontrarmos notícias de que o elenco não estava satisfeito com as posturas do técnico Antonio Conte.

Palpites

De acordo com o Oddsshark.com, se o Chelsea não conquistar nenhum título importante na temporada 2018/2019, você embolsa R$ 1, 50 a cada real aplicado por você. Caso fature a FA Cup e a Taça da Liga, o valor de retorno é de R$ 51,00, assim como para a Liga Europa e FA Cup. Os troféus da Premier League, juntamente com Copa da Inglaterra rendem R$ 101,00 por 1. Agora, se você acha que pelo menos um título importante os blues conseguem, mas não sabe qual, a quantia é de R$ 2,62, indica o Oddsshark.com.

Confira as cotas para possíveis conquistas do Chelsea na temporada 2018/2019:

– Para não ganhar troféu importante – R$ 1,50

– Para ganhar um troféu importante – R$ 2,62

– Liga Europa + Taça da Liga – R$ 41,00

– FA Cup + Taça da Liga – R$ 51,00

– FA Cup + Liga Europa – R$ 51,00

– Premier League + Liga Europa – R$ 81,00

– Premier League + Taça da Liga – R$ 81,00

– Premier League + FA Cup – R$ 101,00

– FA Cup + Taça da Liga + Liga Europa – R$ 201,00

– Premier League + Taça da Liga + Liga Europa – R$ 351,00

– Premier League + FA Cup + Taça da Liga – R$ 501,00

– Premier League + FA Cup + Liga Europa – R$ 501,00

– Premier League + FA Cup + Liga Europa + Taça da Liga – R$ 1001,00

Comentários

Natural de Belo Horizonte. Torcedor do Cruzeiro e da Juventus. Um Doente por Futebol. Desde pequeno um apreciador do esporte mais popular do mundo, preferindo mais em acompanhar do que jogar (principalmente por não ter talento algum com a bola).