Brasil e Argentina fazem o jogo mais esperado da Copa América de 2019; Chile tem vida facilitada diante do Peru

  • por Victor Gandra Quintas
  • 2 Meses atrás

Brasileiros, argentinos, chilenos e peruanos entram em campo pelas semifinais do torneio continental

Semana movimentadíssima com as semifinais da Copa América de 2019. Para começar, na terça-feira, 2 de julho, às 21h30, teremos o tão esperado Brasil x Argentina. Um dia depois, no mesmo horário, a bola rola para Chile x Uruguai. Emoção e boas opções de apostas não faltarão na SpinSports.  Aproveite para dar os seus palpites nos melhores sites de apostas. Vale lembrar que se tivermos empate nos 90 minutos de jogo, teremos prorrogação e, se preciso, pênaltis.

Brasil x Argentina

Um dos maiores clássicos do futebol mundial vai ser disputado no Mineirão, em Belo Horizonte. O curioso é que as duas seleções chegam para o clássico sendo bem contestadas. Até agora, elas não mostraram um futebol convincente no torneio continental. Chegou a hora da mudança? Bom, os brasileiros fizeram uma primeira fase sem empolgar, vencendo a Bolívia (3 a 0) e o Peru (5 a 0) e empatando com a Venezuela (0 a 0). Nas oitavas, os comandados do técnico Tite suaram muito para passar pelo Paraguai. A classificação veio de maneira dramática, nos pênaltis, após empate de 0 a 0.

Apesar do momento irregular, a Seleção se mantém invicta, com 11 triunfos e 3 empates. O revés mais recente foi no Mundial da Rússia, quando caímos para a Bélgica com o placar de 2 a 1 nas quartas de final. Outro detalhe interessante que reforça o nosso favoritismo de R$ 1,90 aplicado por você nas casas de apostas, além da presença da torcida, é que a última vez que perdemos para os hermanos dentro de casa foi em 1998, no Maracanã, com gol de Batistuta. Em 2017, nos encaramos no Mineirão pelas eliminatórias e vencemos por 3 a 0 de maneira totalmente dominadora. Lembra?

Até o fechamento deste texto, o volante Fernandinho e o lateral Filipe Luís eram apontados como dúvida em função de problemas musculares e no joelho, respectivamente. A equipe vem sofrendo na parte ofensiva. Philippe Coutinho está bem abaixo. Sendo assim, nossas melhores jogadas estão sendo construídas por Everton Cebolinha, do Grêmio.

Do lado da Argentina, o técnico Lionel Scolari vai quebrando a cabeça para fazer a sua equipe jogar. Na primeira fase, eles passaram sufoco na derrota para a Colômbia (2 a 0), empate com o Paraguai (1 a 1) e vitória sobre o Catar (2 a 0). Diante de uma Venezuela competitiva, os albicelestes conseguiram se impor e vencer por 2 a 0, porém ainda precisam apresentar um futebol melhor, especialmente o craque Messi. Outro jogadores como Di Maria e Aguero precisam chamar a responsabilidade para sí. Agora, em um jogo bem mais que decisivo vamos ver como eles vão se comportar. Chegou a hora dos bons jogadores fazerem a diferença. Caso consigam vencer, os argentinos vão proporcionar o retorno de R$ 4,55, de acordo com o Oddsshark.com.

O Brasil, com Tite, só tem duas derrotas. Uma para a Bélgica, como falamos, e a outra para a própria Argentina, ocorrida em uma amistoso, por 1 a 0, em 2017 na Austrália. Olha, uma boa possibilidade de aposta para o próximo jogo é palpitar que os dois times vão balançar as redes ao menos uma vez, gerando R$ 2,20. Se tivermos um empate com gols, a cota sobe para R$ 4,85.

Chile x Peru

Na quarta-feira, também às 21h30, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, os chilenos atuais, bicampeões, voltam a campo para buscar a terceira final seguida. O adversário será o Peru, zebra total ao eliminar o Uruguai nos pênaltis usando como tática a defesa total em seu campo de jogo. O Chile, por sua vez, despachou a Colômbia, que fez a melhor campanha na primeira fase.

Nas oitavas de final, o Chile eliminou a Colômbia nas penalidades após ficar no 0 a 0 durante o tempo normal.  O retrospecto recente aponta 4 vitórias da La Roja e um triunfo da La Rojiblanca – este o mais recente, ocorrido em dezembro do ano passado. Os peruanos venceram por 3 a 0.

Ainda segundo o Oddsshark.com, os chilenos são grandes favoritos, estando estimados em R$ 2,00, R$ 1,30 a menos que o rival. Os gols de Paolo Guerrero e Alexis Sánchez rendem R$ 3,95 e R$ 3,45, respectivamente.

Jogos das semifinais da Copa América:  

Terça-feira, 2 de julho

21h30: (R$ 1,83) Brasil x Argentina (R$ 4,70) (Empate: R$ 3,40)

Quarta-feira, 3 de julho

21h30: (R$ 2,00) Chile x Peru (R$ 4,30) (Empate: R$ 3,05)

 

Comentários

Natural de Belo Horizonte. Torcedor do Cruzeiro e da Juventus. Um Doente por Futebol. Desde pequeno um apreciador do esporte mais popular do mundo, preferindo mais em acompanhar do que jogar (principalmente por não ter talento algum com a bola).