La Liga 2019/20 – O Retorno!

  • por Rogério Bibiano
  • 2 Meses atrás

Campeonato Espanhol retorna após paralisação devido à pandemia

Depois de um intervalo forçado de três meses, em função da pandemia da Covid-19, a temporada 2019/20 de La Liga será retomada, a partir dessa quinta-feira, 11 de junho; com El Gran Derbi, o clássico sevilhano entre Sevilla x Betis. Faltando 11 rodadas para o final, a atual temporada apresenta a polarizada briga pelo título entre Barcelona e Real Madrid; uma interessante disputa pelo terceiro e quarto lugar e consequentemente a classificação para a UEFA Champions League (entre Sevilla, Real Sociedad, Getafe, Atlético de Madrid e Valencia), além de um grupo de clubes que lutam por uma das três vagas à UEFA Europa League (Villarreal, Granada e Athletic Bilbao). Na ponta de baixo, as próximas rodadas também prometem muitas emoções.

Barcelona ou Real Madrid: um deles será o campeão!

No topo da tabela, os eternos rivais da Espanha, novamente lutam pelo título da temporada. O Barcelona lidera com dois pontos de vantagem. Com uma temporada distópica, o clube blaugrana tem encontrado dificuldades jogando fora do Camp Nou (em 13 jogos como visitante, venceu cinco, empatou três e perdeu cinco partidas).

Na ponta da tabela, o Barcelona busca o tricampeonato de La Liga (Foto: David Ramos)

Com 31 gols sofridos (sexta melhor defesa da competição), o sistema defensivo tem sido uma das dores de cabeça. Felizmente para o torcedor do Barça, Messi tem entrado em ação, tirando muitos “coelhos da cartola”, juntamente com Luis Suarez, a dupla é responsável por 30 dos 63 gols da equipe até aqui. Com Suarez recuperado de lesão, o Barcelona ganha um importante reforço para essa reta final do campeonato.

A dupla Messi-Suarez é sinal de gols e mais gols (Foto: Alex Caparros)

Do outro lado, na cola dos barcelonistas vem o Real Madrid. Com a melhor defesa da competição (19 gols sofridos), sendo também a que menos vezes perdeu (apenas três derrotas); entretanto o outrora poderoso ataque madridista, anotou “apenas” 49 gols na competição e justamente a dificuldade em “matar” jogos tranqüilos, em casa (quatro empates), tem colocado o cube na atual situação, correndo atrás do Barcelona.

Para voltar a comemorar o título espanhol, o Real Madrid precisa ser mais regular em casa (Foto: Quality Sport Images)

Na conta dos resultados considerados catastróficos estão os empates com Celta (2-2) e Real Valladolid (1-1), adversários que estão na parte inferior da tabela. Por isso, o retorno de Hazard é importantíssimo nesta reta final da competição.

Recuperado de lesão, Eden Hazard é a aposta merengue na reta final (Foto: Alejandro/DeFodi Images)

A briga pelas outras duas vagas a UEFA Champions League e Europa League

A corrida pelo título está restrita aos dois maiores clubes da Espanha, que conseqüente e naturalmente participarão da próxima edição da UEFA Champions League. Entretanto há uma interessante e emocionante disputa pelo terceiro e quarto lugar, que garantem vaga direta na fase de grupos do principal interclubes do planeta, com cinco equipes no páreo por estas vagas.

Atual terceiro colocado, o Sevilla incorporou, no início da temporada, 15 novos jogadores a disposição do (então) novo treinador, Julen Lopetegui. Após um início de temporada irregular, o Sevilla teve um mês de novembro acima das expectativas, desafiando a dupla Real Madrid e Barcelona, na briga pela liderança, perdendo fôlego na sequência.

O Sevilla de Julen Lopetegui vem sendo um dos destaques da liga (Foto: Pressinphoto/Icon Sport)

Na cola do Sevilla, vem a Real Sociedad, uma das boas surpresas da temporada até a pausa. A equipe de San Sebástian conta com jovens talentos combinados com contratações que se mostraram precisas, com destaque para o jovem norueguês Martin Ødegaard, emprestado pelo Real Madrid, que vem sendo tranquilamente um dos melhores do campeonato. Entretanto, observando o cenário inédito imposto pela pandemia, a dúvida é acerca de como a Real Sociedad retornará na competição.

Com um futebol ofensivo e de toque de bola, a Real Sociedad é outra boa surpresa (Foto: Juan Manuel Serrano Arce)

Outra agradabilíssima surpresa da temporada 2019/20 de La Liga e que está na briga por uma vaga na Champions é o Getafe. Treinado por Jose Bordalas, o clube apostou na manutenção da base que terminou em quinto lugar na temporada passada. Tal aposta oferece resultados expressivos em campo, com a equipe fazendo sua melhor temporada da sua história e que conta com o experiente atacante Angel (10 gols) como um dos destaques do time. Com um elenco mais modesto, a pergunta que fica é justamente se nessa reta decisiva, o Getafe conseguirá se manter no topo.

Após surpreender na temporada passada, o Getafe segue sonhando com voos mais altos (Foto: Perez Meca/MB Media)

Atualmente na sexta colocação, um ponto da zona de classificação para a Champions, o Atlético de Madrid teve muitas mudanças, perdendo jogadores importantes (Griezmann, Lucas Hernandez, Felipe Luis, Godin e Rodri); por outro lado, o clube trouxe jogadores promissores, mas que talvez, ainda careçam de um período maior de adaptação e isso talvez explique a dificuldade encontrada pelos comandados de Diego Simeone.

Correndo risco de ficar fora da UCL, Diego El Cholo Simeone tem missão difícil pela frente (Foto: Pressinphoto/Icon Sport)

Com jogos difíceis contra Barcelona, Getafe e Real Sociedad; o Atlético de Madrid tem sofrido com as lesões no elenco e precisa melhorar bastante o rendimento coletivo, sob o risco de ficar ausente da Champions. Recuperado de lesão, as esperanças recaem sobre o jovem português João Felix, esperando que este consiga uma sequência de partidas, sem lesões.

Nesta reta final, os Cochoneros depositam esperanças em João Felix (Foto: Pressinphoto/Icon Sport)

Sétimo colocado, um pouco distante do pelotão de frente, mas com possibilidades de recuperação, o Valencia, no início da atual temporada, era apontado como o time que poderia melhor se aproveitar do processo de renovação de Atlético e Sevilla. Entretanto, na prática as coisas não saíram conforme o previsto, desde polêmica demissão do treinador Marcelino García Toral, que gerou uma crise interna. Se no Mestalla, o Valencia segue invicto, fora de casa, a campanha é ruim. Nesse retorno das atividades, uma baixa é certa: Ezequiel Garay, com lesão no joelho, está fora do restante da temporada.

Matematicamente na briga, o Valencia luta contra sua instabilidade (Foto: Miguel Fernandez/NurPhoto)

Na ponta de baixo, uma disputa que promete!

A batalha pelo rebaixamento também reserva grandes emoções, com praticamente seis clubes lutando para não estarem entre os três relegados. Quatro pontos a frente da zona de rebaixamento, o Real Valladolid lutará para permanecer na principal divisão. Com seis gols e duas assistências, o meia-atacante Sergi Guardiola é um destaque, bem acima de média, da equipe.

Próximo da zona de descenso, o Real Valladolid luta para seguir na elite (Foto: Pressinphoto/Icon Sport)

Décimo sexto colocado, o Eibar é um dos clubes humildes da primeira divisão espanhola. Ciente que a força da torcida foi importante até a parada, resta saber como o clube volta, especialmente nos jogos como mandante. Com sete gols e seis assistências, o chileno Fabian Orellana é o principal jogador da equipe.

O chileno Fabian Orellana é o sopro de criatividade no Eibar, na luta para seguir na primeira divisão (Foto: Quality Sport Images)

No limiar da zona de rebaixamento, o tradicional Celta de Vigo, repete a temporada passada, ou seja, brigando contra o rebaixamento. Antes da parada, os comandados do treinador Oscar García Junyent tinham um péssimo aproveitamento fora de casa. A esperança, assim como na temporada passada recaí novamente sobre Iago Aspas, principal jogador da equipe com nove gols.

O Celta, de campanha decepcionante têm no talento de Aspas, a esperança para fugir do rebaixamento (Foto: Quality Sport Images)

Abrindo a zona de rebaixamento, o Mallorca tem campanha irregular em casa e desastrosa fora. Com nove gols, o bósnio Ante Budimir é o artilheiro do time, que tem uma missão complicada nos 11 jogos restante, enfrentando os três primeiros colocados e confrontos diretos contra Leganes e Celta de Vigo para fugir do descenso.

O bósnio Budimir é o grande destaque de um Mallorca que não consegue emplacar (Foto: Juan Manuel Serrano Arce)

Penúltimo colocado, o Leganés, do conhecido treinador mexicano Javier Aguirre terá pela frente a missão de permanecer na divisão de elite espanhola, onde está desde a temporada 2016/17. Com apenas cinco vitórias, a missão é complicadíssima. O destaque é o jovem Oscar Rodriguez (emprestado pelo Real Madrid), com sete gols e duas assistências.

Oscar Rodriguez é o sopro de vida de um Léganes que “respira por aparelhos” (Foto: Perez Meca/MB Media)

Último colocado, seis pontos atrás da “zona de salvação”, o Espanyol tem pela frente uma missão dramática para evitar a queda, após 25 anos seguidos na elite espanhola. Com apenas quatro triunfos, sendo um único em casa; o Espanyol “respira por aparelhos”. Com um desempenho abaixo da média, o clube azul e branco de Barcelona precisa muito mais que os quatro gols de Raul de Tomás, artilheiro da equipe na atual temporada de La Liga.

Em situação extremamente delicada, o Espanyol é o lanterna (Foto: Quality Sport Images)

A Artilharia

Com 19 gols em 22 jogos, Lionel Messi lidera a tabela de artilheiros. O camisa 10 do Barcelona possui a incrível marca de 438 gols em 474 jogos (média de 0,92 gols/partida) na primeira divisão espanhola. Em segundo lugar vem o francês Karim Benzema, do Real Madrid, com 14 gols em 26 jogos. Com 11 gols aparecem, Luis Suarez (17 jogos), Gerard Moreno (25 jogos) do Villarreal, Lucas Pérez (26 jogos) do Alavés e Roger Martí (26 jogos) do Levante; completam a relação dos goleadores.

Os reis das assistências

Além de liderar a artilharia, Messi também comanda a lista dos assistentes, com 12 passes para gols, tendo participação decisiva em 31 dos 63 gols do Barcelona. Com oito assistências, Cristian “Portu” aparece na segunda posição. Com sete passes para gols, temos Luis Suarez, Rodrigo Moreno (Valencia) e Roberto Torres (Osasuna).

Atrás de Messi, Cristian “Portu” é o humano que “lidera” as assistências (Foto: Pressinphoto/Icon Sport)

Olho neles!

Um dos maiores campeonatos do Mundo, La Liga é sempre um tradicional celeiro de jogadores, desde os experientes, até os jovens é um campeonato que sempre oferta aos amantes do futebol, grandes performances. Apontamos algumas gratas revelações que merecem atenção nestas 11 rodadas restantes.

Martin Ødegaard

Após duas temporadas no futebol holandês, Ødegaard chegou em La Liga emprestado pelo Real Madrid para a Real Sociedad, uma das sensações do campeonato. Titular absoluto, o jovem talento norueguês (21 anos) anotou quatro gols e fez cinco assistências, mas muito mais que isso, coloca uma dinâmica de criatividade, com muita visão de jogo, em favor da equipe de San Sebastian.

Ødegaard é o craque da Real Sociedad (Foto: Juan Manuel Serrano Arce)

Ansu Fati

Nascido na Guiné-Bissau e naturalizado espanhol, Ansu Fati, de apenas 17 anos, atuou em 16 partidas, sendo sete como titular. Com quatro gols e uma assistência, nos 683 minutos que jogou. Num Barcelona que ainda busca um companheiro ideal para a dupla Messi/Suárez, Ansu Fati pode ser uma aposta interessante, justamente pela compreensão tática nesse aspecto, em relação aos principais jogadores do time.

Em fase de lapidação, Ansu Fati têm tudo para seguir o caminho dos grandes jogadores da história (Foto: Pressinphoto/Icon Sport)

Fede Valverde

Com muita intensidade e qualidade, o uruguaio Fede Valverde, 21 anos, tem 1266 minutos em campo, resumidos em 22 jogos, sendo 14 como titular, números que o colocam como um dos centrocampistas de confiança do treinador Zinedine Zidane. Além do mais, Valverde marcou dois gols e fez quatro assistências, resumo de um talento que cada vez se firma mais no time.

Sob a batuta de Zidane, o jovem uruguaio Fede Valverde vai ganhando espaço no Real Madrid (Foto: TF Images)

Unai Simón

Após sete jogos na temporada passada, Unai Simón, 22 anos é o titular  absoluto e um dos destaques do Athletic Bilbao na atual temporada, com 24 jogos; comprovando a tradicional qualidade do clube de Bilbao em revelar bons valores.

Mantendo a tradição basca de grandes goleiros, Unai Simón é dono do arco do Athletic (Foto: Quality Sport Images)

Lucas Ocampos

No bom Sevilla de Julen Lopetegui, atual terceiro colocado, o argentino Lucas Ocampos, 25 anos é um dos principais nomes, em sua primeira temporada em terras espanholas. Extremamente intenso, já anotou 10 gols e fez duas assistências em La Liga.

O argentino Ocampos vem fazendo grande temporada no Sevilla (Foto: Javier Soriano/AFP)

Mohammed Salisu

Formado na base do Valladollid, o ganês Salisu, 21 anos é titular absoluto da defesa. Exímio cabeceador, também tem se destacado pelo poder de recuperação. Na temporada disputou todos os 27 jogos, marcando um gol e dando uma assistência. A regularidade de suas atuações vem chamando a atenção de outros clubes na Europa.

Salisu é mais um futuro promissor defensor da escola ganesa de bons nomes na posição (Foto: Juan Manuel Serrano Arce)

Os grandes jogos antes da parada

Athletic Bilbao 1-0 Barcelona

Logo na primeira rodada, os atuais bicampeões de La Liga foram no País Basco, sem Messi para um jogo dificílimo. Aos 44 minutos, Aduriz fez um golaço, digno de Prêmio Puskas.

Sevilla 0-1 Real Madrid

Na quinta rodada, os merengues viviam um clima de pressão devido o mau começo de temporada. Com atuação discreta das estrelas, Karim Benzema garantiu a vitória e o fim de um tabu de quatro anos sem vencer no Ramón Sánchez Pizjúan.

Sevilla 3-2 Real Sociedad

A sétima rodada viu um grande jogo, com ambas as equipes jogando um futebol de bom toque de bola e para cima. Coube aos comandados de Julen Lopetegui buscarem a virada e uma vitória importante.

Atlético de Madrid 0-1 Barcelona

Na 15ª rodada, no Wanda Metropolitano, jogo extremamente disputado e complicado para o Barcelona. Porém, Ter Stegen garantiu atrás e o Barça tem Lionel Messi e o camisa 10 novamente decidiu mais um clássico.

Real Sociedad 2-2 Barcelona

Na Reale Arena, em San Sebastian, o Barcelona visitou, pela 17ª rodada a Real Sociedad, num confronto esperado pela qualidade técnica de ambas as equipes. Em campo, um jogo muito bem disputado, com muitas alternâncias e o brilho da estrela do jovem sueco Alexander Isak, empatando o jogo.

Espanyol 2-2 Barcelona

A 19ª rodada viu um clássico de opostos, de um lado, o líder Barcelona visitando o lanterna Espanyol. Jogo que fez jus ao termo clássico; um empate amargo para o clube blaugrana e com gosto de vitória para o Espanyol.

Real Madrid 1-0 Atlético de Madrid

Em mais um clássico madrilenho, a “sorte sorriu” para o lado merengue contra os cochoneros. Após um primeiro tempo muito disputado, Zidane fez alterações pontuais e Karim Benzema garantiu os três pontos.

Real Madrid 2-0 Barcelona

No maior clássico da Espanha, quem brilhou foi o brasileiro Vinicius Junior, que abriu o caminho para a vitória e aos 19 anos e 233 dias, se tornou o mais jovem jogador a fazer gol no clássico.

Jogos que prometem nesse retorno de La Liga

Faltando 11 rodadas para o final do campeonato e com inúmeras situações em jogo, de uma das temporadas mais equilibradas dos últimos anos, a expectativa é de jogos interessantes. Selecionamos para cada uma das rodadas restantes, algumas partidas para ficar de olho!

28ª Rodada

Na reabertura de La Liga, olho no derbi sevilhano entre Sevilla e Real Betis. Em terceiro lugar na tabela o Sevilla recebe no Ramon Sachez-Pizjuán o arquirrival Real Betis (12º colocado), necessitando vencer para manter a posição na tabela.

O Derbi Sevillano reabre a temporada 2019/20 de La Liga (Foto: Cristina Quicler/AFP)

Outro clássico local que promete um bom jogo é o derbi da cidade de Valencia, conhecido como derbi del Turia. No Mestalla, um Valencia (7º colocado) que não pode perder pontos (principalmente em casa), receberá o perigoso Levante (13º colocado).

O Derbi del Turia é o clássico da cidade de Valencia (Foto: Jose Jordan/AFP)

29ª Rodada

Em Madrid, o Real receberá o Valencia, em jogo que promete, com um brigando pelo título e o outro por uma vaga nas copas europeias. No primeiro turno, os valencianos venceram por 2×1.

Ezequiel Garay e Rodrygo disputam bola em jogo que o Valencia levou a melhor (Foto: Jose Jordan/AFP)

30ª Rodada

Rodada que promete ser chave. No Ramon Sanchez-Pizjuán, o Sevilla receberá o Barcelona em jogo-chave para ambos. No primeiro turno, com grande atuação de Messi, os catalães golearam por 4×0.

No turno, um “imparável” Messi conduziu o Barça a goleada (Foto: Josep Lago/AFP)

Uma das sensações do campeonato, a Real Sociedad recebe no Anoeta, o Real Madrid, em outro jogo que promete fortes emoções. No primeiro turno, no Santiago Bernabeu, vitória merengue por 3×1.

Carvajal cabeceia a frente de Oyarzabal, na vitória merengue ante a Real Sociedad (Foto: Pierre-Philippe Marcou)

31ª Rodada

Olhos voltados para Barcelona, onde o Barça receberá o Athletic Bilbao, historicamente um grande jogo, de uma rivalidade que remota a década de 1920. Tamanha rivalidade traz a importância de Clássico para este jogo. No primeiro turno, vitória basca por 1×0.

Na abertura de La Liga, o Barça conheceu uma de suas cinco derrotas no campeonato (Foto: Ander Gillenea/AFP)

32ª Rodada

Destaque para o Derbi de la Comunidad, considerado o jogo mais importante da Comunidade Valenciana. No El Madrigal, o Villarreal receberá o Valencia. No primeiro turno, no Mestalla, o Valencia venceu por 2×1.

No primeiro turno o Villarreal levou a melhor, fora de casa (Foto: Jose Jordan/AFP)

33ª Rodada

No Camp Nou, o Barcelona receberá o Atlético de Madrid, em jogo que pode ser decisivo para as pretensões de ambas as equipes no campeonato. No primeiro turno em Madrid, vitória blaugrana por 1×0.

Cena comum no duelo, Messi comemorando mais um gol sobre os cochoneros (Foto: Gabriel Bouys/AFP)

34ª Rodada

O Real Madrid viaja até o País Basco para jogo sempre complicado ante o Athletic Bilbao. No primeiro turno, jogo pegado no Santiago Bernabeu que terminou sem gols.

No primeiro turno, Real Madrid e Athletic não balançaram as redes (Foto: Javier Soriano/AFP)

35ª Rodada

Destaque para o derbi catalão, com o Barcelona recebendo o Espanyol. No primeiro turno, em jogo emocionante, empate em dois gols.

No Derbi Catalão, o Espanyol buscou um empate surpreendente contra o rival Barcelona (Foto: Pau Barrena Capilla/AFP)

36ª Rodada

Sempre ofensivo atuando em casa, o bom time do Villarreal receberá a Real Sociedad em partida que promete ser muito bem disputada levando em consideração os aspectos técnicos de ambas equipes. No primeiro turno o time amarelo, fora de casa, surpreendeu vencendo por 2×1.

No turno, em bom jogo, o Villarreal surprendeu a Real Sociedad de William José (9) (Foto: Ander Gillenea/AFP)

37ª Rodada

Rodada com expectativa de bons jogos! Em Madrid, o Real receberá o Villarreal. No primeiro turno houve empate em dois gols.

Num dos poucos bons jogos de Bale na temporada, os merengues empataram com o Villarreal (Foto: Juan Medina/Reuters)

Em San Sebastian, a Real Sociedad terá pela frente o Sevilla. Na Andaluzia, no primeiro turno, num dos melhores jogos da liga os sevilhanos venceram por 3×2.

No primeiro turno, Sevilla e Real Sociedad fizeram ótimo jogo. Espera-se que repitam a dose (Foto: Cristina Quicler/AFP)

Outro jogo que merece destaque é o Getafe recebendo no Coliseum Alfonso Pérez o Atlético de Madrid. No Wanda Metropolitano, no turno os cochoneros venceram pela contagem mínima.

Morata cobra o pênalti que deu a vitória ao Atlético sobre o Getafe (Foto: Javier Soriano/AFP)

38ª Rodada

A última rodada pode ser a decisiva e terá os principais candidatos ao título atuando fora de casa. No Mendizorroza, o Alavés receberá o Barcelona. Já no Municipal de Butarque, o Leganés será o anfitrião do Real Madrid. Outro jogo de destaque será Atlético de Madrid x Real Sociedad, no Wanda Metropolitano.

O Barcelona de Griezmann visita o “freguês” Alavés na rodada final (Foto: Lluis Gene/AFP)

Numa das temporadas mais equilibradas, com resultados surpreendentes, La Liga retorna com grande expectativa e questionamentos acerca de quais condições cada equipe nesse retorno irá apresentar e para você, quem conquista a temporada 2019/20 de La Liga?

Comentários

Natural de Telêmaco Borba-PR e criado em meio à "boemia futebolística", com horas de papo sobre futebol, samba e cervejas na pauta. Influência do pai, que também adorava futebol, e da mãe, que sempre apoiou a iniciativa. Técnico em Eletrônica, formado desde 1999, e fanático por futebol, futsal, futebol de praia, society e todo esporte que tenha no futebol a sua essência.