• Levir mostra que menos pode ser mais

    Após a conquista do título do Campeonato Mineiro e a eliminação da Copa Libertadores da América, o Atlético Mineiro sofreu uma alteração tática que tem sido crucial para o bom desempenho do time no Brasileirão e já havia sido testada em 2014. Com um volante a menos e um jogador ofensivo a mais, curiosamente, o […]
  • Será Cárdenas a peça que faltava ao Galo?

    Por O Futebólogo O ano era 2013. Com uma linha de três meias formada pelo dedicado Bernard, pelo genial criador e distribuidor de jogo Ronaldinho Gaúcho e pelo talentosíssimo Diego Tardelli, o Atlético Mineiro ganhou a América. Curiosamente, em 2015, o Galo parece estar rumando taticamente por semelhantes veredas do vitorioso time treinado por Cuca. […]
  • A vitoriosa gestão de Alexandre Kalil

    “O tempo está passando muito rápido.” Quantas vezes não nos deparamos com essa afirmação em nosso cotidiano? E é justamente isso que deve estar passando pela cabeça do torcedor do Atlético neste momento. O porquê? O final do segundo mandato de Alexandre Kalil, presidente responsável por devolver ao clube mineiro o orgulho e a competitividade […]
  • Corações à prova

    #457277668 / gettyimages.com I Luan marcou gol importante Por O Futebólogo O retrospecto e o placar do jogo de ida denunciavam: o favoritismo para a conquista de uma das vagas nas semifinais da Copa do Brasil era do Timão. As seis ocasiões em que os alvinegros de Minas e São Paulo se enfrentaram em disputas eliminatórias […]
  • O Galo de Levir

    #457461540 / gettyimages.com I Levir mudou a cara do Galo Por O Futebólogo Depois de um início de ano turbulento, com a transição de comando (saiu Cuca, após duas temporadas e meia, e entrou Paulo Autuori), que contou com uma fraca campanha na Copa Libertadores da América e a perda do título estadual, o Atlético apostou […]
  • Por que o Galo de Autuori não emplaca?

    #479593129 / gettyimages.com Por O Futebólogo Depois muito penar na última década – exceção feita ao ano de 2009 – o Atlético Mineiro cresceu imensamente nos anos de 2012 e 2013. Sob o comando de Cuca, que chegou ao clube em 2011 e ajudou a livrá-lo do rebaixamento, o clube foi vice-campeão brasileiro e venceu […]