• Quando o doping venceu o futebol: Alemanha 3×2 Hungria

    O ano era 1954 e o mundo do futebol tinha dono. Os Mágicos Magiares, do Major Galopante Ferenc Puskás, iriam ser campeões mundiais de forma fácil. Depois do Maracanazzo de 1950, com certeza o estádio Wankdorf, em Berna, iria coroar a melhor equipe, a Hungria, treinada por Gusztáv Sebes. Os húngaros não perdiam há 32 […]