• O mais irracional dos sentimentos

    Por O Futebólogo Não. Não me deram o dom de bem tratar a bola. O muito que recebi é pouco para o espetáculo. O chute forte de esquerda jamais bastaria para embelezar a cancha. Apesar disso, a vontade de jogar, a dedicação e o amor pelo esporte me permitiram aprimorar alguns fundamentos na infância – […]