• Otero, o substituto de Cazares

    Poucas são as dúvidas acerca da qualidade do elenco do Atlético Mineiro. Fartura de opções com diferentes perfis para as mais variadas posições é encontrada quando se analisa o plantel alvinegro. Apesar disso, muitas peças ainda não encontraram seu melhor futebol e outras não tem podido atuar, lesionadas. Uma delas é o equatoriano Juan Cazares, […]
  • O diferencial chamado Cazares

    O início de 2016 trouxe novidades para o torcedor do Atlético Mineiro. No fim do último ano, Levir Culpi deixou o comando alvinegro e quem assumiu foi Diego Aguirre. Reforços vieram e a expectativa, como nos últimos anos, fez-se alta. Juan Cazares foi provavelmente a peça que mais aguçou a curiosidade do torcedor, uma vez […]
  • Urso ou Donizete? O dilema de Aguirre

    Com pouco mais de 1/4 do ano transcorrido, época em que o futebol ainda não registra grandes emoções em terreno brasileiro, o Atlético Mineiro já vive uma realidade em que o time, ao menos na escalação, parece próximo do ideal. Na zaga, Frickson Erazo ganhou vaga definitiva ao lado de Leonardo Silva, nas laterais Marcos […]
  • Como Robinho pode ser aproveitado por Aguirre?

    O presidente do Atlético Mineiro, Daniel Nepomuceno, confirmou na tarde da última quinta-feira (11) a contratação de Robinho pelo alvinegro de Belo Horizonte. Aos 32 anos, o jogador terá mais uma oportunidade no futebol brasileiro e, desta vez, longe do Santos – o que não será tema desta análise. Nos últimos tempos, o Galo se […]
  • Giovanni Augusto e os méritos de Levir

    Em 2011, em processo de reconstrução – que se mostraria ineficaz –, o Atlético Mineiro, pelas mãos de Dorival Júnior, concedeu chance a um garoto que já havia estourado a idade de júnior e até então não havia sido aproveitado devidamente: Giovanni Augusto. Com bom passe e capacidade de distribuição de bola, o jovem fez […]
  • Pratto é exatamente o que o Galo precisava

    Em 2012, após anos de sucessivos insucessos, com a modelação do time que seria campeão da Copa Libertadores da América de 2013, o Atlético Mineiro voltou a cantar de galo. Com a fundamental influência de Ronaldinho Gaúcho, a grande referência de que o clube precisava, o time cresceu, fez a fama do Estádio Independência e […]
  • O Galo de Levir

    #457461540 / gettyimages.com I Levir mudou a cara do Galo Por O Futebólogo Depois de um início de ano turbulento, com a transição de comando (saiu Cuca, após duas temporadas e meia, e entrou Paulo Autuori), que contou com uma fraca campanha na Copa Libertadores da América e a perda do título estadual, o Atlético apostou […]
  • Um Galo em evolução

    #457129890 / gettyimages.com Por O Futebólogo Após passar quase três anos sob o comando de Cuca, o Atlético apostou, no início da temporada, na contratação de Paulo Autuori. Rapidamente, o torcedor, que nunca demonstrou empatia pelo novo treinador, começou a perder o entusiasmo com o time. A “eletricidade” do Atlético de Cuca foi extinta e um […]