• O protagonismo de Robinho

    No início do ano, uma notícia causou especial surpresa no futebol brasileiro. Pela terceira vez em sua carreira, Robinho voltava ao país; pela primeira, no entanto, não representaria a alva camisa santista. Agora envergando as listras alvinegras do Atlético Mineiro, o atacante carregou consigo dúvidas. Início morno e desconfiança Sua malfadada passagem pelo futebol chinês […]
  • Urso ou Donizete? O dilema de Aguirre

    Com pouco mais de 1/4 do ano transcorrido, época em que o futebol ainda não registra grandes emoções em terreno brasileiro, o Atlético Mineiro já vive uma realidade em que o time, ao menos na escalação, parece próximo do ideal. Na zaga, Frickson Erazo ganhou vaga definitiva ao lado de Leonardo Silva, nas laterais Marcos […]
  • Como Robinho pode ser aproveitado por Aguirre?

    O presidente do Atlético Mineiro, Daniel Nepomuceno, confirmou na tarde da última quinta-feira (11) a contratação de Robinho pelo alvinegro de Belo Horizonte. Aos 32 anos, o jogador terá mais uma oportunidade no futebol brasileiro e, desta vez, longe do Santos – o que não será tema desta análise. Nos últimos tempos, o Galo se […]
  • Perspectivas para o Atlético – 2016

    Desde a confirmação da saída de Levir Culpi do comando do Atlético Mineiro, muito tem sido falado sobre os rumos do clube, especialmente após a contratação de Diego Aguirre – comandante que ficou marcado em 2015 por aplicar um método de trabalho bem peculiar no Internacional. Assim começaram as especulações acerca do 2016 do Galo, […]
  • Missão nº1 do Galo: manter Rafael Carioca

    Por incrível que possa parecer, já se passou praticamente um ano desde que o Atlético Mineiro acertou a contratação do volante Rafael Carioca. Curiosamente, o jogador, formado no Grêmio e com passagem pelo Vasco, não era a primeira opção do então presidente Alexandre Kalil. O Galo buscou a vinda de Fernando, outra cria do tricolor […]
  • Pratto é exatamente o que o Galo precisava

    Em 2012, após anos de sucessivos insucessos, com a modelação do time que seria campeão da Copa Libertadores da América de 2013, o Atlético Mineiro voltou a cantar de galo. Com a fundamental influência de Ronaldinho Gaúcho, a grande referência de que o clube precisava, o time cresceu, fez a fama do Estádio Independência e […]
  • Levir mostra que menos pode ser mais

    Após a conquista do título do Campeonato Mineiro e a eliminação da Copa Libertadores da América, o Atlético Mineiro sofreu uma alteração tática que tem sido crucial para o bom desempenho do time no Brasileirão e já havia sido testada em 2014. Com um volante a menos e um jogador ofensivo a mais, curiosamente, o […]
  • (Jô)gando por mais uma chance

    O gol, diria Eduardo Galeano, “mesmo que seja um golzinho, é sempre goooooooooooooool na garganta dos locutores de rádio”. E quando a bola que balança as redes decide e eleva clube e torcedor ao mais alto posto de uma competição? Não há dúvidas: no desporto mais amado deste planeta, o gol é o mais sublime […]
  • O dia em que 17 mais 9 foi igual a dois

    O primeiro domingo do corrente mês de abril sentenciou: após nove anos, Atlético e Cruzeiro voltariam a se encontrar nas semifinais do Campeonato Mineiro. As derrotas para Boa Esporte e Tombense, respectivamente, sentenciaram um fado que nem o mais ferrenho opositor do futebol mineiro poderia prever, considerando o fato de que alvinegros e celestes dominaram […]
  • Será Cárdenas a peça que faltava ao Galo?

    Por O Futebólogo O ano era 2013. Com uma linha de três meias formada pelo dedicado Bernard, pelo genial criador e distribuidor de jogo Ronaldinho Gaúcho e pelo talentosíssimo Diego Tardelli, o Atlético Mineiro ganhou a América. Curiosamente, em 2015, o Galo parece estar rumando taticamente por semelhantes veredas do vitorioso time treinado por Cuca. […]
Página 2 de 3«123 »