• O Brasil de Tite terá centroavante?

    A troca de Dunga por Tite inicia uma sequência de novas discussões em torno da Seleção Brasileira e do processo de construção de um time para os próximos anos. Recuso-me a pensar de forma curta, visando somente o próximo adversário, apesar de que essa realidade diante do cenário que se forma parece ser a mais […]
  • Por que Tite deveria ter dito não

    (Por Fernando Martinho) A começar por ter assinado — com razão — uma petição para a renúncia do mandatário da CBF, Marco Polo Del Neto. Em seguida, o principal dos motivos: ele é o melhor treinador que o Brasil produziu nos últimos tempos. Com larga vantagem. Não precisa compará-lo a Dunga. É covardia até. Como diria […]
    • por Doentes por Futebol
    • 3 Anos atrás
  • Chegamos ao fundo do poço, agora só nos resta subir

    Dizer que o 7×1 foi pouco pode, por hora, parecer brincadeira ou deboche. Mas essa frase, tão repetida depois daquele fatídico 8 de julho de 2014, reflete nada menos do que a realidade nua e crua. Porém, é errado afirmar que o passeio alemão em solo brasileiro foi o início da crise do futebol pentacampeão […]
    • por Jean Madrid
    • 3 Anos atrás
  • Caminho até a Rússia: Brasil 2 x 2 Uruguai

    Dunga manteve a ideia do último jogo, ainda em 2015, contra o Peru. 4-1-4-1 que emulava o Corinthians de Tite (campeão em 2015) a época, com Renato Augusto e Elias no auge. Em pouco mais de quatro meses muita coisa mudou, mas a ideia não. Renato ganhou a companhia de Fernandinho – Elias está machucado […]
    • por Doentes por Futebol
    • 3 Anos atrás
  • O caminho até a Rússia: Brasil 3×0 Peru

    Pela quarta vez em quarto jogos de eliminatórias, Dunga mudou o time. Se nos dois primeiros jogos perdeu Neymar, contra a Argentina trocou Oscar por Lucas Lima e contra o Peru apostou em Renato Augusto na vaga do meia santista. Outra “novidade” foi Douglas Costa, que voltou ao onze inicial, além de Gil que substituiu […]