• A truculência, o medo e o futebol em segundo plano

    Na avenida apinhada de gente, o estampido de um disparo desencadeia o empurra-empurra generalizado. Imediatamente, o que era só uma multidão docemente bagunçada se transforma em pandemônio. Tomadas pelo pânico, centenas de pessoas se põem a correr. “Cola no muro que é melhor!”, diz um desses sábios populares. Segui a orientação. Olhei, então, para a […]