• O grato carnaval (praieiro), batendo uma bolinha

    Chegou a hora dessa gente bronzeada mostrar seu valor. O carnaval profere a algazarra, entoa o canto e estimula o requebrado. Diferente do mundo dos boleiros, ser mascarado na folia conta ponto. Ainda mais na enladeirada Olinda dos frevos, maracatus, troças, fantasias e irreverência. O feriadão querido dos brasileiros povoa cidades badaladas como Recife, Salvador, […]
    • por Lulu
    • 4 Anos atrás
  • Não acredite no seu pai e no seu avô

    Se a Bíblia é dividida em antes e depois de Cristo. Podemos dizer que o futebol é dividido em antes e depois de Rinus Michels (o lendário treinador da Laranja Mecânica de 1974). Não querendo diminuir o legado de craques como Pelé, Garricha, Eusébio, Puskas, Di Stéfano e outros antecessores a eles, mas mais válido […]
    • por Lulu
    • 4 Anos atrás
  • Hércules derrotou Zeus novamente

    View image | gettyimages.com Os frutos de agora vêm de outrora, Cristiano Ronaldo largou a aura de Robinho para parafrasear Pelé. Quem poderia imaginar que aquele ponta do Manchester, cheio de firulas, se tornaria um atacante pactuado com os gols? O melhor jogador do mundo dos últimos dois anos é o maior caso de mudança […]
    • por Lulu
    • 4 Anos atrás
  • Quando o justo supostamente é injusto e os “detalhes” ajudam a definir a totalidade

    O poder midiático, a politicagem e o “voto por afeição” pesam bastante, é quase impossível quebrar o paradigma do clichê anunciado. Desde 1991, exceto em 2008, nenhum jogador fora de Juventus, Milan, Inter, Barcelona e Real Madrid conquistou o prêmio, seja antes ou depois da fusão da FIFA com a Bola de Ouro da França. […]
    • por Lulu
    • 4 Anos atrás
  • Pivô, sinônimo de esplendor

    Mais requisitado em quadras de futsal e basquete, mas tão igualmente essencial nos campos de futebol, o pivô é a parede que abre portas. Ele atua de costas para o gol, trocando “carinhos” com os zagueiros sob imposição por posição, na busca pela melhor condição de acelerar jogadas incisivas. O bom pivô intervém o lance, […]
    • por Lulu
    • 4 Anos atrás
  • Relato de um doente por futebol, ranzinza

    Repórteres perguntando obviedades triviais nas coletivas. Analistas de arbitragem brigando com as imagens. Comentaristas definindo características por meio de estereótipos manjados. Corneteiros sacramentando pejorativamente atletas. Boleiros estipulando presunçosamente o status dos jogadores. Saudosistas de memória seletiva valorizando outrem de outrora mais do que craques de agora. Às vezes, o futebol encarna o cansativo déjà vu. […]
    • por Lulu
    • 5 Anos atrás
  • Pai da Paz, o Futebol

    Desde o engatinhar, engatilhar-se para tal distração é promissora tradição. Rolar a pelota pela casa, mesmo com as mãos, impulsiona o vistoso crescimento. Induz para o processo lúdico do desenvolvimento. Conduz para as disputas travessas nas calçadas, ruas e becos remotos sob o passar prazeroso do tempo. Semeando a vida de multidões espalhadas em infinitas […]
    • por Lulu
    • 5 Anos atrás
  • Menos também é mais!

    A memória é seletiva, os critérios são exigentes e a instantaneidade crítica catapulta a babaquice antagônica. Muitas câmeras, muita informação, muitos mitos, muito chiado. O amor pelo futebol ultrapassou a barreira do apego pelo clube do coração e ganhou dimensão global. Há tietes de instituições, jogadores e técnicos gringos, mais preocupados em desmerecer o que […]
    • por Lulu
    • 5 Anos atrás
  • O Chute

    Ele serve como decreto; ora calculado, ora estupefato, ora emergencial, ora banal. Ele designa talento, a postura confirma. Ele inicia o possível final feliz. Ele alivia, salva, pune e fuzila. Ele supera barreiras, almejando o grito da imensidão atenta. Ele rasga o chão e deixa entalado o grito. Ele é ameno, bruto, citado e precipitado. […]
    • por Lulu
    • 5 Anos atrás
  • “O futebol é um Poema!”

    Por Wagner Sarmento. O futebol é um poema. Às vezes, metricamente perfeito. Outras tantas, propositadamente inexato. Mas nunca prosa, nem quando zero a zero. Jogar bola é declamar com os pés. Verso que acaba em gol, rima obrigatória dos craques. E, se é Dia da Poesia, o futebol faz seu brinde. No Brasil, a data […]
    • por Doentes por Futebol
    • 5 Anos atrás
Página 1 de 212 »