Doentes por Futebol iniciou sua história em 2004. Era apenas uma comunidade do Orkut (sdds). Sendo uma das pioneiras na rede social, que também surgira naquele ano, logo começou a crescer. Com isso, era de se imaginar que a qualidade dos debates fosse diminuir. Mas o que se viu foi o contrário. Devido a parcerias feitas como com a FutebolEuropeu.com.br – criada por Leonardo Bertozzi, hoje da ESPN – usuários com grande conhecimento, às vezes até maior que o dos comentaristas, vinham debater nos diversos tópicos da “DPF”.

 

 

O tema foi bem digerido e aceito pelos fãs da rede social, que fizeram da comunidade uma das maiores sobre futebol do Orkut. O esporte mais popular do Brasil já não era suficiente para o público da Doentes, que criava tópicos “off” ou comentava nos específicos para temas variados. Com isso, em 2006, foi criada a comunidade “Doentes por Futebol – Open Bar”, em que o assunto futebol ficava em segundo plano. Vimos que limitar-se ao futebol era um erro.

 

E não só ao futebol, mas ao Orkut. Ao reparar muitos profissionais despreparados analisando o tema, o objetivo sempre foi buscar disseminar informações corretas e de qualidade para todos, mesmo que de forma voluntária. A partir da ideia e do comando do membro Bruno Galdino Santana, foi criada, no ano de 2011, a revista online Doentes por Futebol. O foco, claro, era o futebol, mas não deixava de ter artigos sobre NBA, Grand Slams, NFL e o que estivesse sendo bastante comentado. A revista chegou até a ser citada no Bandsports e no programa de Joelmir e Mauro Beting – o segundo, em certas ocasiões, aparecia no fórum da comunidade. Foram seis edições da revista.

 

 

Com a decadência do Orkut e crescimento das demais redes, hoje consolidadas, a nossa querida comunidade parecia ter prazo de validade. Foi então que eu, Felippe Garcia,  pensei em trazer a máxima qualidade do debate aqui pra fora. Comecei então pelo Facebook, com a fanpage, em 20 de agosto de 2012. O sucesso foi tão grande, que precisávamos organizar melhor os textos. Não chegou 2013 e o site já estava no ar. Era, enfim, a nossa casa. Parcerias qualificadas e de benefício mútuo também foram feitas com sites de mesmo conteúdo ou até agências, como no perfil do veículo no Google+.

 

 

A parceria entre a Heilrj (o dono era membro do Orkut) e o DPF mostrou um pouco de nosso objetivo: virar notícia nos principais veículos de informação do Brasil, como Uol e Globo, e em sites e canais especializados, como o Globoesporte.com, Sportv e ESPN. A Doentes já havia aparecido também no diário espanhol Marca, com outro vídeo da parceria, e até no jornal Meia Hora.

Hoje temos uma nova marca. Um novo mundo nas redes sociais. Somos em mais de 3 milhões de seguidores. Nossas raízes ensinaram como lidar com tantas mudanças na internet. Num piscar, temos novas formas de nos comunicar. Mas a paixão por futebol está conosco. Estamos aqui para nos comunicar de torcedor para torcedor.

 

Abaixo você pode ver como era a forma que começamos a nos comunicar, lá em 2012:

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist